sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Yosemite National Park



O vale encantado de Yosemite

Chegamos a Yosemite (pronuncia-se io-sé-mi-ti) por meio de uma brincadeira extremamente agradável do GPS. Mais uma vez, ao invés de nos colocar na rodovia principal – 5 pistas de cada lado, velocidade alta –, nos jogou pelas vicinais do interior da Califórnia, o que proporcionou uma paisagem de plantações de maça dos dois lados da micro-estrada que serpenteava o começo da subida rumo às montanhas Rochosas e a famosa Sierra Nevada. A névoa e o pôr-do-sol completaram o cenário romântico e misterioso que formavam junto das inúmeras pequenas vilas e paisagens rurais.

Mar de núvens no por-do-sol visto da estrada


Por termos saído tarde de San Francisco e ainda termos nos desviado levemente da rota mais rápida, chegamos já no escuro nos arredores do Parque Nacional de Yosemite. Aqui fica a dica: os GPSs podem ter problemas de precisão nessa região, devido às montanhas e as estradas estarem dentro de um vale. Como chegamos à noite, a estrada ficava mais tenebrosa a cada milha rodada além do ponto indicado pelo aparelhinho. Depois de 20 minutos já estávamos desconfiando do endereço do hotel e até da sua própria existência. No fim, persistindo na estrada, fomos encontrar o hotel umas 15 milhas mais adiante do ponto indicado pelo GPS.

Acabamos ficando fora do parque, mais por falta de opção do que qualquer outra coisa. É bom que se saiba que há muita opção de estadia dentro dos perímetros de Yosemite, que conta com excelente infraestrutura (banco, supermercado, 5 hotéis, restaurantes, etc). As opções são bem variadas indo de hotéis 5 estrelas como o Ahwahnee (jantar ótimo, mas caro – vá pelo bar) até tendas de lona, no bom estilo acampamento (só no verão). O grande problema é que, não à toa, Yosemite é o segundo parque mais visitado dos EUA – o primeiro é o Grand Canyon -, o que transforma esses lugares privilegiados dentro dos parques concorridíssimos. As reservas chegam a um ano de antecedência. Uma boa dica para se programar para esse, e qualquer outro parque nacional nos EUA, é o próprio site do Departamento Nacional de Parques (http://www.nps.gov/yose/index.htm), lá você planeja tudo da sua viagem.

Ficamos no Yosemite View Lodge, uma boa opção para quem não conseguiu um quarto dentro da reserva (como nos), mas ainda relativamente próximo (20 a 30 min) do parque. O hotel é bastante confortável, contando com um pequeno SPA, com piscinas aquecidas cobertas e uma jacuzzi que fazem toda diferença depois de um dia de trilhas. O segredo aqui é fazer suas compras no supermercado do parque (preços normais) e usar a estrutura do quarto (geladeira, pia, microondas, fogão e utensílios) para preparar o jantar e dormir cedo depois de um bom escalda-pés. Foi o que fizemos: regado a um bom vinho californiano preparamos nossa própria comida e dormimos felizes da vida depois de um dia de aventuras no parque.

O PARQUE

Falar de Yosemite é tão difícil quanto descrever outras grandes maravilhas da natureza. A oportunidade de conhecer um pequeno pedaço deste paraíso no inverno torna a experiência ainda mais inesquecível. Pinheiros centenários cobertos pela neve branquinha, em um vale que conta com duas cachoeiras e diversos picos também nevados transformam a paisagem em um cartão postal 360 graus. Ursos negros, alces enormes, veados e linces – esses últimos vistos e registrados!!! -, dão o toque final de aventura a esse vale encantado que ainda é o lar de uma das montanhas mais famosas do mundo: o Half Dome.

Vista do Half Dome


A entrada custa 20 dólares por carro de passeio e te da direito a permanecer no parque por 7 dias. Pra quem gosta de natureza as possibilidades de passeios e trilhas são praticamente infinitas devido à liberdade que se tem em explorar a região. O complexo conta com estação de esqui, escaladas, trilhas das mais variadas, diversos locais para camping com estrutura de banheiros (há necessidade de permissão) e até passeios guiados pelos Rangers. Dá pra ficar por lá pelo menos uns 3 ou 4 dias e não perder nunca a sensação de surpresa a cada paisagem nova.

Seguindo o conselho de um Ranger, que nos julgou em boas condições físicas, fizemos a trilha até o topo da cachoeira principal do parque (Yosemite Falls), um passeio de 11,5 Km montanha acima. A beleza natural exuberante nos engolia a cada curva, descida ou subida da imensa trilha ribanceira acima. O que não contávamos era o grau de dificuldade da brincadeira. Boa parte da trilha é bem fácil, mas conforme a subida aumenta e a neve ocupa o espaço os escorregões e a dificuldade de caminhar aumentam proporcionalmente. No fim, depois de um momento de superação física e mental chegamos ao topo e pudemos ter o prazer de apreciar a vista de todo o vale. Posso dizer que é incrível, mais pela superação que pela paisagem – que é vista de níveis mais baixos da mesma forma.

Yosemite Falls, caminhada mais que puxada até o começo da queda
Aqui vai outra dica: seja honesto com você mesmo sobre sua forma física e planeje o que você quer – e consegue – fazer com um Ranger no Centro de Visitantes. Nos que estávamos acostumados com trilhas e caminhadas extenuantes passamos aperto.

O topo da trilha de Yosemite Falls coberto de neve
No parque vale também fazer passeios mais tranqüilos, como o museu indígena, a vila e as trilhas de 3 ou 4 milhas, que não envolvem escaladas e grandes esforços. Outra dica legal é visitar o parque no inverno, como fizemos. Isso evita as aglomerações do verão e acaba proporcionando uma das paisagens mais belas já vistas por estes viajantes.


No fim, não vimos o urso, somente sua pegada na neve, mas Yosemite certamente será um destino favorito na hora de planejar as próximas férias.

Pegada de urso no meio da trilha. Estávamos sendo seguidos?

22 comentários:

Helena Hanate disse...

Olá, quero muito conhecer yosemite, irei lá pelo dia 10 de novembro, que é a época que costuma fechar algumas partes do parque. Vi que vc foi numa época de frio. Vale a pena ir assim mesmo? Gostaria de saber se vc pegou neve na estrada, fico com receio de dirigir nessas condições.

Helena Hanate disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Helena Hanate disse...

Olá, quero muito conhecer yosemite, irei lá pelo dia 10 de novembro, que é a época que costuma fechar algumas partes do parque. Vi que vc foi numa época de frio. Vale a pena ir assim mesmo? Gostaria de saber se vc pegou neve na estrada, fico com receio de dirigir nessas condições.

Ivan e Gabi disse...

Olá Helena. Olha, Yosemite é um dos lugares mais bonitos que já visitamos. Ter estado pro lá no inverno foi ainda mais especial pra nós que temos pouco contato com esse cenário de neve. O parque é bem preparado pra receber turistas nessas época apesar de algumas trilhas ficarem fechadas. Por outro lado, a estação de esqui fica à disposição e algums paisagens tornam-se inesquecíveis. Sem dúvida nenhuma, volatríamos pra lá nessa época. O frio não incomodou tanto, mas fomos em janeiro. A estrada é boa mas por lei você precisa de correntes pros pneus. Vimos várias pra comprar e a própria locadora te aluga se pedir com antecedência. Outra dica boa é tentar se hospedar dentro do parque. Difícil e mais caro, mas deve valer a pena. Antes de encarar as trilhas converse com um Ranger e pegue informações sobre o que vai enfrentar. Como vc viu no post, subestimamos as infromações e levamos quase 8h pra subir e descer de Yosemite Falls. Com sorte, quem sabe vc não vê o urso que não conseguimos? Um abraço, Ivan

jahcao disse...

Olá Ivan! Vou para Califórnia em Fevereiro e vou até Yosemite, não para explorar, mas para pelo menos conhecer o parque. Chego a noite, fico no hotel Tenaya, passo o dia na parte do Half Dome e arredores, volto ao mesmo hotel e no dia seguinte penso em ir até a entrada Mariposa Grove, para ver as sequoias. Vc acha que nesta época do ano consigo ir até elas? Vou estar com carro 4x4. Dá pra chegar perto delas ou tem que ir caminhando (e neste caso, quanto tem que caminhar?). Obrigado pela ajuda e parabéns pelos relatos. São ótimos!
Jacques

Ivan e Gabi disse...

Oi Jacques, fico feliz que esteja acompanhando o blog. Yosemite ainda é um dos lugares mais bonitos que já visitei na vida. Pra quem gosta de trilhas e natureza conhecer o parque no inverno ainda é um bonus mais que especial. Estivemos por lá no fim de janeiro, muita neve mas as estradas estavam em boas condiçòes, tem que ir mais devagar e se tiver neve/gelo na pista é obrigatório ter correntes pras rodas (veja isso na locadora do carro, eles sempre alugam). Fizemos um parque de cada vez, primeiro Yosemite e depois viajamos pro Sequoia. Sei que existem arvores gigantes no proprio Yosemite mas queríamos ver as maiores do mundo (e são realmente impressionantes!) e estavam no nosso caminho em direçào à Vegas... Acho que o melhor a fazer é chegar bem cedo no parque e ir direto ao balcão de informações dos Rangers, eles vão te dar todas as opções. Lembro que o Half Dome estava fechado quando fomos, e tem um lago muito bonito que tbm é dificil chegar nessa época do ano. Melhor do que eu te dar essas dicas, pergunte tudo aos rangers por lá - vale muito a pena! Grande abraço e excelente viagem!

jahcao disse...

Oi Ivan! Muito obrigado pelas dicas. Já estou começando a viagem antes de chegar lá! Mais uma dúvida: que tipo de calçado vocês usaram? Tem que ser botas de neve ou estas só são necessárias caso se saia das trilhas?
No caso de precisar, o que vale mais a pena, alugar no local ou comprar em algum outlet antes? (vou passar no Gilroy antes de ir a Yosemite)

Ivan e Gabi disse...

Olá Jacques, com relação às roupas de frio, nós passamos no Camarillo Outlet (tem um post só sobre isso aqui no blog) e compramos tudo lá porque sabíamos que certamente iríamos usar outras vezes - como de fato aconteceu. Compramos botas impermeáveis na Timberland, que são muito boas, não precisam ser especificamente pra neve mas devem ser impermeáveis (e elas duram a vida). E na North Face compramos casacos e malhas que usamos até hoje em viagens de clima mais frio. Aproveite muito e não esqueça de contar como foi!

Vivian disse...

Oi Ivan! Conheci seu blog fuçando informações sobre Yosemite, que pretendemos visitar no início de novembro por volta do dia primeiro. Gostei demais das suas informações!.Me explica um pouquinho como é usar correntes no carro? Vamos sair de Sao Francsico de carro alugado rumo ao parque. Se sentirmos necessidade das correntes, a gente mesmo coloca? Obrigada!
Um abraço!

Ivan e Gabi disse...

Oi Vivian, realmente nosso post de Yosemite faz sucesso...

Em novembro o frio deve estar começando a chegar, mas não sei se já estará tudo branco com neve. Fomos pra lá no fim de janeiro, quando o inverno é'mais pesado. A história das correntes é uma necessidade exigida por lei para se dirigir em condições pesadas de neve e principalmente gelo na pista. Durante o inverno as locadoras de carro também locam o equipamento e vc mesmo instala quando necessário. Nos não locamos quando alugamos o carro em Los Angeles, mas quase compramos as correntes na estrada com medo de multas... Pesquise as condições do tempo e decida se será necessário. De qualquer forma, é fácil de colocar. Aproveitem Yosemite, é um dos lugares mais incríveis que já conhecemos! abraço

Vivian disse...

Entendi. Obrigada Ivan! Estamos bem ansiosos com a viagem. Vou pesquisar muito antes de ir! A gente se fala de novo rsrs... Muitas dúvidas....rsrs...
Um abraço!

Bee disse...

Adorei suas dicas e será que você poderia me dar dica de um hotel dentro do parque. Vamos em dezembro, Natal e queríamos pegar neve.

Narcísio e Dirlei disse...

Yosemite está na nossa rota nos Eua, como também, o Sequoia, Gran Teton e Yellowstone. As dicas de vocês são importantes. Obrigado.

Adriana Marroni disse...

Olá, gostaria de mais informações sobre a estação de esqui do Yosemite parque: é perto, paga p/ entrar?
Vou levar uma criança que só com a neve do parque já vai se divertir bastante, mas tb levarei um adolescente que acredito vai querer ter a experiencia de esquiar.
Obrigada
Adriana

Juliana disse...

Ola! Vou viajar pra California em dezembro e estou sonhando em conhecer Yosemite. Mas sendo honesta nao tenho um bom preparo fisico. E nao gostaria de "perder" muito tempo por la. Voces poderiam me indicar lugares lindos, mas que nao demandem tanto tempo de trilha? Alias, tem algum guia turistico que possa ajudar no local?

Ivan e Gabi disse...

Olá Adriana e Juliana.

Legal que vcs vieram ver yosemite por aqui. É um lugar mágico mas que foi bastante castigado no último mês por queimadas que assolaram o estado da California.

Adriana, não sei quanto à estação de esqui que tem lá, não tivemos tempo de usufruir desse lugar. Minha sugestão seria procurar no site do parque, é uma ótima fonte de informação.

Juliana, não precisa necessariamente fazer a trilha que fizemos - que inclusive nos pegou de surpresa pela dificuldade. O parque tem muitos mirantes e lugares que se chega de carro, aposto que vc vai gostar. não sei se existem tours guiados, mas os guardas florestais costumam levar pessoas para as trilhas sim, é questão de passar no Rangers Office e ver os horários. Sei que eles fazem isso com as crianças mas não saberia dizer mais sobre o assunto.

Aproveitem Yosemite!

WALDIR disse...

OLÁ. ESTAREI INDO PARA YOSEMITE EM JANEIRO. GOSTARIA DE SABER SE AS ESTRADAS QUE PASSAM PELO PARQUE( TIOGA PASS) FICA FECHA OU COMO POSSO VER SE TEM CONDIÇOES DE PASSAR POR ELA. JÁ QUE ESTAREI CRUZANDO EM DIREÇÃO A MAMMOTH LAKE.
AGRADEÇO .

Anônimo disse...

Olá! Estarei em Yosemite em janeiro. Penso em sair do Sequóia Park, visitar o Yosemite por 2 dias inteiros e depois seguir para Lake Tahoe, passando pelo Mono Lake. Gostaria de saber o que vocês acham. Dá para encarar a estrada para o Mono Lake nessa época?

Ivan e Gabi disse...

Olha, não fizemos esse trajeto até Mono lake e Tahoe, mas as estradas estavam boas no fim de janeiro, quando estivemos em Sequoia e Yosemite. Baita viagem!

marcelo leme disse...

Ivan, irei no Final de Dezembro de Las vegas para Yosemite Park, as estradas correm risco de estar fechadas devido ao inverno?e preciso ter corrente no veiculo? vou ficar tb no Hotel yosemite lodge view, a estrada do Hotel para Yosemite park é tranquila? Existe um onibus paravista interna no park?

Anônimo disse...

Ivan, vou para o park vindo de Las Vegas, as estradas são seguras no final de Dezembro?
Vou ficar no Hotel Yosemite Lodge View o trajeto para o park é seguro neste periodo? quais cuidados devo ter neste periodo? Existe transporte intrno no park?

Anônimo disse...

Ivan, bom dia. Vamos passar um dia em Yosemite, vindo de San Jose. Iremos no dia 8 de dezembro. Chegaremos bem cedo e sairemos por volta de 4 da tarde. Qual sua sugestão? Como você espera que vai estar temperatura. Muito obrigado. Seu blog é muito útil.
Paulo Sérgio psjuste@uol.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...